quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Alguém...


Sou um ser comum, não sei se posso dizer que sou como todos os outros, pois afinal ninguém é igual.
Tenho sonhos, planos, defeitos , qualidades próprias que se aperfeiçoaram com o tempo. Sou alguém que já sofreu por perdas, decpições, que tem fome, sede e ansiedade as vezes.
Alguém que aprendeu a amar , que se sentiu meio boba com tal situação sem saber explicar(também até hoje não houve quem decifrasse o amor).Alguém que aprendeu a perdoar a não guardar rancores momentos ruins dos dias anteriores.Que acredita nas coisas boas que a vida tem a oferecer, nos gestos simples de afeto, que acredita em mudanças.
Alguém que confia na sua capacidade humana de criar, sonhar ,tornar concreto aquilo que sonhou. Alguém que apesar de tudo acredita que há um Deus que pode mudar todas as nossas convicções, desfazer todos os nossos medos e pode trazer a realidade os sonhos perdidos e mudar aquilo que as nossas mãos não o fariam.
Alguém que acredita que Deus é maior do que tudo e que sem Ele mesmo com todas as nossas convicções, já estaríamos no fim do túnel.

(Taciana Epifanio)

Um comentário:

  1. poxa muito bonito esse poéma , posso roubar..

    kkkk ..

    ResponderExcluir